terça-feira, 19 de novembro de 2013

Um pouco do que penso sobre o 'mensalão'


  
Em relação à tradição jurídica [de direita] no Brasil, o chamado 'mensalão' tucano, anterior ao petista, ainda não foi julgado, logo acredito ser a ação penal 470 um julgamento político e não técnico. Em relação às provas, quem fala sobre a inexistência são 02 juristas de direita, não eu, por que então deveria acreditar em nosso Superior Tribunal Federal, endossando o Ministério Público (seletivo em suas denúncias), que manda soltar o assassino de Dorothy Stang e o banqueiro Daniel Dantas?



Para condenar os acusados Joaquim Barbosa se valeu da teoria do domínio do fato. Se for assim, o primeiro a ser preso deve ser o presidente Lula, pois não há que usar meia dúzia de pessoas como bode expiatório. O próprio criador da teoria, Claus Roxin, afirmou que ela não cabe a este caso:



Para completar, Joaquim Barbosa, que pretende entrar para a fileira política, encerrou a sessão que decidiria o futuro dos condenados, na véspera do feriado da república, para decidir sozinho sobre a prisão dos acusados, sem ao menos definir no mandado de prisão qual o regime de cada um. Não era necessário levá-los para Brasília e quem vai cumprir em regime semiaberto não deveria estar preso em regime fechado como estão. Foi uma decisão unilateral e midiática, no dia da proclamação da república, tudo combinado com nossa imprensa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários. Portanto, não serão publicados comentários que firam a lei e a ética.

Por ser muito antigo, o quadro de comentários do blog ainda apresenta a opção "comentar anônimo" mas, com a mudança na legislação,

....... NÃO SERÃO PUBLICADOS COMENTÁRIOS DE ANÔNIMOS....